A fantástica aventura de Ferdinando: e quem eu lá conheci

É um livro sobre a reflexão que fazemos ao explorar nossos propósitos e a importância que as pessoas desempenham no significado das coisas. Mais do que uma caminhada ao topo da montanha, trata-se da jornada para a qual partimos quando olhamos para dentro.

Detalhes

Gênero(s): Infantojuvenil
ISBN: 9786554284943
Publicação: 22/02/2024
Nº de Páginas: 204

Compartilhar :

  • Sobre o Livro
    Ferdinando é um menino que desaprendeu a sonhar. Motivado pela mãe, sai em busca das sementes dos sonhos que se encontram em cima de uma montanha. Conhece diferentes pessoas e criaturas e entende que tem uma missão a desempenhar antes de chegar ao topo: ajudar a encontrar o novo rei. Nessa caminhada em direção ao sentido da vida, o garoto passa pela euforia, pelo riso, pelo medo e pela tristeza e, brincando com o espaço e com o tempo, cresce conforme crescem a linguagem e a sua experiência. O jogo de palavras se mistura à aventura e a excentricidade dos habitantes da montanha se traduz nas trocas de prosa por poesia e na própria perspectiva do narrador, que, num dado momento, torna-se personagem. Conto de fadas que começa com jeito infantil e se torna adulto, é um livro sobre a reflexão que fazemos ao explorar nossos propósitos e a importância que as pessoas desempenham no significado das coisas. Mais do que uma caminhada ao topo da montanha, trata-se da jornada para a qual partimos quando olhamos para dentro.
Ferdinando é um menino que desaprendeu a sonhar. Motivado pela mãe, sai em busca das sementes dos sonhos que se encontram em cima de uma montanha. Conhece diferentes pessoas e criaturas e entende que tem uma missão a desempenhar antes de chegar ao topo: ajudar a encontrar o novo rei. Nessa caminhada em direção ao sentido da vida, o garoto passa pela euforia, pelo riso, pelo medo e pela tristeza e, brincando com o espaço e com o tempo, cresce conforme crescem a linguagem e a sua experiência. O jogo de palavras se mistura à aventura e a excentricidade dos habitantes da montanha se traduz nas trocas de prosa por poesia e na própria perspectiva do narrador, que, num dado momento, torna-se personagem. Conto de fadas que começa com jeito infantil e se torna adulto, é um livro sobre a reflexão que fazemos ao explorar nossos propósitos e a importância que as pessoas desempenham no significado das coisas. Mais do que uma caminhada ao topo da montanha, trata-se da jornada para a qual partimos quando olhamos para dentro.